Le Mans | Notícias | WEC

World Endurance Championship

Toyota Motorsport apresenta (finalmente) o novo TS040

por Hugo Ribeiro, 27 de Março de 2014 Um Comentário

© Toyota Motorsport

© Toyota Motorsport

Após uma longuíssima espera, finalmente a Toyota apresentou o novo Toyota TS030. No circuito de Paul Ricard, onde amanhã irá ter início a jornada oficial de testes do WEC 2014 — O Prólogo —, a marca nipónica anunciou ainda alguns pormenores extra sobre a motorização a utilizar este ano.

Finalmente! Já muito se especulava sobre a tão tardia apresentação do novo LMP1 por parte da Toyota. Estaria a marca nipónica a esconder o jogo até ao fim? O mais extraordinário foi ninguém ter consigo uma foto espia ao longo de todo este tempo... Mas ei-lo finalmente em todo o seu esplendor. A primeira impressão é de que, ao contrário dos seus principais rivais, a Toyota, aerodinamicamente, seguiu um caminho vem diferente, e em termos de motorização também seguiu um outro caminho. Se era isto que o regulamento pretendia: objectivo cumprido.

6MJ e 1000 cavalos de potência
A Toyota decidiu optar pela classe destinada aos 6Mj de capacidade híbrida. Esta energia, recolhida durante as travagens, é transferida para o super-capacitador da NISSHINBO, e colocada no asfalto via dois motores eléctricos situados em cada um dos eixos — o da frente desenvolvido pela AISIN AW e o de trás pela DENSO — que em aceleração são capazes de debitar 480cv. Ao sistema híbrido está aliado um motor V8 aspirado, desenvolvido pela Motor Sports Unit Development Division, cuja capacidade passou dos 3.4 litros para os 3.7 litros, e é capaz de debitar 520 cv.

Alinhamento de pilotos alterado
Os alinhamentos de pilotos da Toyota sofreu também algumas alterações. Para esta temporada, Stéphane Sarrazin irá estar ao volante do TS040 #7, com Alex Würz e Kazuki Nakajima, enquanto que no #8 Anthony Davidson e Anthony Davidson terão agora Nicolas Lapierre ao seu lado.

Yoshiaki Kinoshita, Presisdente da Toyota Hybrid Racing: “Estamos muito ansiosos pela nossa terceira temporada no Campeonato do Mundo FIA de Resistência, onde iremos lutar pelo sonho de vencer Le Mans e o Título Mundial. Para além dos desafios dos novos regulamentos, que tornaram a resistência na disciplina de competição mais relevante para os carros do dia-a-dia, temos também um novo rival. Estamos ansiosos por competir com a Porsche, assim como com os nossos já familiares rivais da Audi. Como equipa, temos aprendido imenso nas nossas primeiras duas temporada do WEC e todo este know-how está agora no novo Toyota TS040 Hybrid, que é o Toyota mais tecnologicamente avançado que alguma vez competiu em pista. Consideramos ser muito importante que o nosso programa desportivo contribua para as outras actividades da Toyota, e tenho orgulho por haver dados, conhecimento e tecnologia que regularmente  passam do nosso programa para os nossos colegas de R&D, que se encontram a trabalhar em melhores carros de estrada para o futuro.”

YouTube Preview Image

Hisatake Murata, Director Geral da Motor Sports Unit Development Division“O THS-R (Toyota Hybrid System - Racing) foi actualizado significativamente devidos aos desafios lançados pelo novo regulamento. Os regulamentos requerem uma grande redução do consumo de combustível mas, para nos mantermos competitivos, queremos obviamente manter a energia do motor; não é uma opção realista reduzir o consumo reduzindo a potência. Olhamos para várias possibilidades, mas a solução mais apropriada para nós foi aumentar o volume do motor para melhorar a eficiência calorifica, enquanto actualizávamos o sistema híbrido. Nós consideramos o máximo da capacidade híbrida, mas ficamo-nos pelos 6Mj pois tudo acima, usando energia cinética, tinha uma efeito negativo nos tempos por volta devido ao maior peso. Para recuperar tal quantidade de energia durante as travagens, o motor-gerador traseiro não era suficiente, pelo que voltamos ao conceito híbrido de quatro rodas motrizes que desenvolvemos em 2007 e 2011, antes da regulamentação limitar os sistemas híbridos a apenas um eixo. Com 1000cv, nós atingimos uma performance impressionante e mantivemos o sistema no nosso objectivo para o peso. Agora é chegada a altura de ver do que ele é capaz face à concorrência”

YouTube Preview Image

Pascal Vasselon, Director Técnico: “Começamos os estudos iniciais e as simulações assim que o ACO anunciou os primeiros esboços do regulamento, em meados de 2012, e na temporada anterior dispensamos grande parte dos recursos disponíveis a desenvolver o TS040 Híbrido. Em termos de conceito de aerodinâmica e chassis, o TS040 é uma profunda evolução do TS030, tendo em conta as novas dimensões estipuladas pelo regulamento, e implementando as lições aprendidas durante os dois anos de competição no WEC. O novo regulamento criou novos desafios, e o desafio mais óbvio para 2014 foi ter de alterar tanta coisa simultaneamente, com significativas mudanças em termos de chassis e motorizações. O grande desafio foi criar um carro mais complexo, com mais equipamento híbrido para atingir mais potência e, simultaneamente, reduzir significativamente o peso devido a uma diminuição de 45kg no peso mínimo. Esta foi a grande dor de cabeça, mas ao utilizar materiais ultra-leves, e processos de design optimizados, nós atingimos os nossos objectivos”

Após a jornada oficial de testes  para o WEC 2014, a equipa japonesa planeia ainda realizar mais uma sessão privada  antes de se apresentar para na prova de abertura do Campeonato Mundial de Resistência: as 6 Horas de Silverstone, no Reino Unido.

© Toyota Motorsport

© Toyota Motorsport

© Toyota Motorsport

© Toyota Motorsport