GT / Protótipos | Notícias | Portugueses

GT Open / Barcelona: Corrida 1

Team Novadriver conquista pódio no IBER GT e na classe GT3 do GT Open

por Press Release, 9 de Novembro de 2013 Sem Comentários

Fonte: Team NovaDriver

O Team Novadriver voltou a estar em evidência no primeiro dia da jornada dupla que encerra o Campeonato de Espanha IBER GT e o Internacional GT Open e se realiza no circuito de Montmeló, Barcelona. César Campaniço, na companhia de Rafael Suzuki, ao volante do Audi R8 LMS Ultra com as cores do Banco Sol, Vipex Driver Development, Circuito do Estoril, SVLabs, Novatech e Cotton Motorsport, conquistou um segundo e um sexto lugar na classe GTS do GT Open para as duas corridas do programa, sendo quartos e sextos na classificação do IBER GT.

O segundo Audi R8 LMS Ultra do Team Novadriver, com as cores da Sanitana, Locura Energy Drink, Circuito do Estoril, Galp Energia, Puma e Cision, pilotado por Manuel Gião e Lourenço Beirão da Veiga, conheceu algumas dificuldades e, contas feitas, não foram além do 18o lugar na primeira sessão de qualificação e 23o posto na segunda sessão, respetivamente, 9o e 12o na classificação do IBER GT.

O Team Novadriver cumpriu, como habitualmente, o programa técnico de preparação para as qualificações e para a corrida e, realizando um trabalho metódico e profissional, encontram as melhores afinações para os Audi R8 LMS Ultra da equipa, tendo como recompensa mais um excelente desempenho.

As boas sensações experimentadas pelos pilotos tiveram correspondência na corrida, pelo menos para o Audi R8 LMS Ultra do Team Novadriver pilotado por César Campaniço e Rafael Suzuki. O primeiro cumprir a largada, foi prudente e isso valeu-lhe perder alguns lugares que de imediato recuperou devido às habituais escaramuças de princípio de corrida. Com um excelente ritmo e alardeando a sua classe, César Campaniço rapidamente subiu na classificação e entregou o Audi ao brasileiro no segundo lugar à geral e primeiro no IBER GT e na categoria GT3 do GT Open.

Um excesso de zelo (ou desconhecimento das características do Audi) de um comissário de box mais o “handicap” regulamentar de 15 segundos, fizeram com que Rafael Suzuki tenha regressado à pista no meio de um pelotão aguerrido, com perda inevitável de algumas posições. Que o brasileiro do Team Novadriver acabaria por recuperar, terminando a corrida no terceiro lugar da categoria GT3 do Open GT e terceiro entre os concorrentes ao campeonato espanhol, após um turno de condução sem sobressaltos mas com excelente ritmo.

Contas feitas, César Campaniço está agora no segundo lugar do campeonato IBER GT e Rafael Suzuki ocupa igual posição mas na categoria GT3 do Internacional GT Open.

Já o segundo Audi R8 LMS Ultra do Team Novadriver conheceu mais dificuldades e Manuel Gião e Lourenço Beirão da Veiga não foram além de um décimo lugar no IBER GT, não pontuando e acabando com todas as hipóteses de lutar pelo título de 2013.

Amanhã realizar-se-á a segunda corrida desta última jornada do IBER GT e do GT Open a realizar-se em Barcelona, com transmissão nos canais da Sport TV e no “live stream” do sítio de internet do campeonato em www.gtopen.net.

César Campaniço: “A corrida foi muito interessante e depois de ter feito uma largada cautelosa, rapidamente recuperei e nos primeiros momentos da corrida já estava a discutir os lugares entre os cinco primeiros. Apesar de uma afinação algo defensiva para não tornar o Audi R8 LMS Ultra demasiado nervoso, o ritmo foi sempre bom e cheguei a estar na liderança do IBER GT e da categoria GTS do GT Open, posição em que entrei na box. Depois vieram os 15 segundos de ‘handicap’ e um comissário demasiado zeloso que não sabia que o R8 LMS Ultra fica com os ‘LED’ ligados quando o motor é parado e insistiu para desligarmos o carro totalmente. Perdemos uma mão cheia de segundos que, acredito, acabaram por ser decisivos para não termos ganho a categoria GT3 no GT Open e terminado no segundo lugar do IBER GT. Paciência, continuamos na luta pelos dois títulos e amanhã será uma verdadeira batalha para tentar conquistar os dois ceptros.”

Rafael Suzuki: “Foi uma bela corrida e senti-me muito à vontade com a equipa e com o Audi R8 LMS Ultra, ambos bem diferentes do que estava habituado. Penso que fiz uma escolha acertada na aposta feita no Team Novadriver para tentar vencer o título da categoria GTS do GT Open, adaptei-me bem ao carro e estou muito feliz pois apesar do ‘handicap’ conseguimos um bom resultado e está tudo em aberto para amanhã.”

 

Manuel Gião: “Decididamente a sorte não quer nada connosco e depois de uns treinos livres onde o trabalho foi bem feito, a qualificação não foi brilhante e depois a corrida também não. Terminamos a prova apenas no décimo lugar e sem direito a pontos, dissemos adeus às remotas possibilidade de lutar pelo título, pelo que amanhã vamos tentar chegar ao pódio do campeonato.”

Lourenço Beirão da Veiga: “O décimo lugar obtido não era o que desejávamos, mas foi o possível e agora que ficámos fora da luta pelo título, vamos tentar terminar o campeonato da melhor maneira e descortinar a forma de chegar a um lugar no pódio do IBER GT.”

Comunicado de Imprensa do Team NovaDriver