Notícias | Portugueses | WEC

WEC / 6H S.Paulo: Qualificação

Porsche e Aston Martin de novo na ‘pole-position’ na última prova do WEC 2014

por Press Release (edição: Press Release), 29 de Novembro de 2014 Sem Comentários

© Porsche AG

Porsche (LMP) e Aston Martin (GTE) voltaram a ser os mais rápidos em qualificação no WEC. Para as 6 Horas de São Paulo, a 'season finale' da temporada 2015, a Porsche não só conquistou o primeiro e segundo lugares da grelha como pulverizou ainda o anterior recorde da pista. Entre os GTs, a Aston Martin voltou uma vez mais a impor-se na classe GTE Pro com Pedro Lamy a garantir o mesmo para a marca britânica na GTE Am. Na LMP2, a G-Drive Racing manteve a tradição do ano com a 7ª pole em 8 provas...

LMP1: Porsche ganha o gosto às pole-positions

Na sessão de 25 minutos, os dois Porsche 919 Hybrid rapidamente começaram a marcar o ritmo na classe LMP1, com o Toyota TS040 #8 com Anthony Davidson a dar luta cerrada. Neel Jani, ao volante do Porsche #14, e Mark Weber no #20 começaram a competir voltas abaixo do segundo 1:18, e no final das primeiras duas voltas lançadas, o #14 seguia à frente do Toyota #8 e do Porsche #20. Com 1:17.523, Neel Jani batia o recorde da pista num LMP1, que datava de 2007 aquando da viagem do LMS a São Paulo. Na altura, Stéphane Sarrazin ao volante do Peugeot 908 HDi FAP havia realizado 1:18.787.

Com a troca de pilotos, a luta retomou o seu curso para a última grelha de partida do ano, com Marc Lieb a manter-se no topo na qualificação ao volante do Porsche #14, sob forte pressão de Timo Bernhard no carro irmão, que seguia à frente do Toyota #8 de Buemi e do Audi #2 de Tréluyer. Com a sessão a caminho do seu termino — mas com tempo para nova troca de pilotos — Bernhard passou o volante do #20 de novo para as mãos de Mark Weber, que acabaria por baixar a sua média e assim ultrapassar os seus colegas de equipa no topo da tabela de tempos, para a primeira pole do ano para o #20. A diferença entre os dois Porsche foi apenas de 0.107s em média, com as duas voltas mais rápidas — 1:17.442 por Timo Bernhard (novo recorde da pista em LMP1) no #20 e 1:17.523 por Neel Jani no #14— a ficarem distanciadas entre si por 0.081s. Buemi e Davidson, coroados Campeões do Mundo na anterior etapa, terminaram no terceiro lugar a 0.394s do Porsche #20.

Timo Bernhard: “Estão tão feliz que mal consigo traduzir o sentimento em palavras. Em algumas provas o nosso carro foi muito forte em qualificação, e os nossos companheiros do #14 conquistaram a pole. Agora conseguimos lá chegar também. Tivemos muito pouca degradação de pneus, o que ajudou. No final foi uma boa luta. É a minha primeira corrida aqui em Interlagos e a pista é fantástica, pelo que me diverti imenso na qualificação.”

Mark Webber: “está foi uma sessão de qualificação realmente excitante, Na minha primeira tentativa estraguei tudo, mas o Timo foi super rápido. Mas, como é o tempo médio que conta, tive de regressar à pista para tentar melhorar. Felizmente tudo correu pelo melhor e fiquei muito satisfeito com a minha última volta. Agora estamos ansiosos pela corrida: a nossa posição não podia ser melhor e temos uma excelente equipa nas boxes para tudo o que for necessário.”

A Audi esteve um pouco melhor do que nas anteriores provas, em termos de qualificação, intrometendo-se entre os Toyota. O Audi R18 e-tron quattro de Marcel Fässler Benoit Tréluyer fizeram o quarto tempo da sessão com um tempo médio de 1:18.889, enquanto que em dia de despedida, Tom Kristensen, na companhia de Luca de Grassi, não foi além da 6ª posição. Entre os dois Audi ficou colocado o Toyota TS040 #7 de Stephane Sarrazin e Mike Conway. Entre os LMP1-L, nada de novo: A Rebellion bateu uma vez mais a Lotus, mas esta última mostrou-se mais rápida do que nas últimas ocasiões, com o CLM P1/01 AWR #9 a ficar apenas a 1s do tempo de Nick Heidfeld e Mathias Beche no Rebellion R-One #12 e meia segundo do segundo Rebellion.

LMP2: 7 em 8 para a G-Drive Racing

Na classe LMP2, o Ligier JS P2 Nissan da G-Drive Racing, com os pilotos Roman Rusinov e Olivier Pla ao volante, deu mais um passo para tornar o título na classe uma realidade, juntando mais um pontinho com a pole-position de hoje. Com uma média de 1:24.463 (Pla foi o mais rápido dos LMP2 com 1:24.173), a G-Drive larga pela sétima vez, em oito provas, à frente do plantel LMP2, sendo Spa a pedra no sapato de um registo quase perfeito nesta temporada. O Oreca 03 Nissan da KCMG foi o segundo mais rápido a 0.380s. Os dois Oreca Nissan da SMP Racing terminaram em terceiro e quarto lugares da classe, com o #37 de Sergey Zlobin, que ainda mantêm acesa a esperança de conquistar o título, foi 3º.

GTE: Aston Martin em dose dupla

Nas classe GTE Pro e GTE Am, a Aston Martin levou a melhor sobre os seus rivais. Na GTE Pro, Stefan Mücke e Darren Turner no Aston Martin Vantage #97 mostraram ser a dupla mais forte e consistente, conquistando a terceira pole consecutiva, com um tempo médio de 1:30.111, três segundos mais rápido que o melhor tempo de 2013, mas não o suficiente para bater o 1:29.296 obtido por ao volante do Corvette C6-R GT1 da Luc Alphand Aventures. A Porsche deu luta ao duo da Aston Martin, com Patrick Pilet e Frédéric Makowiecki a rodarem no Porsche 911 RSR #92 num tempo médio de 1:30.259, terminando à frente do segundo Aston Martin da classe GTE Pro, No quarto lugar ficaria o Aston Martin #98 da classe GTE Am pilotado por Pedro Lamy e Christoffer Nygaard, com um tempo médio de 1: 30.401, seguindo-se os seus companheiros de equipa na classe GTE Am, Nicki Thiim e David Heinemeier Hansson, a apenas 0.083s.

A sessão de qualificação seria interrompida a três minutos do seu final após o Porsche 911 RSR #75 da Prospeed Competition ter sido obrigado a parar em pista devido a uma falha técnica.

WEC / 6H S.Paulo: Qualificação

P.ºN.Cl.EquipaChassis / MotorTempo MédioDif.P.º Cl.
1.º20P1 (H)Porsche AGPorsche 919 Hybrid 1'17.6761.º
2.º14P1 (H)Porsche AGPorsche 919 Hybrid 1'17.783 +0.1072.º
3.º8P1 (H)Toyota RacingToyota TS040 Hybrid 1'18.070 +0.3943.º
4.º2P1 (H)Audi Sport Team JoestAudi R18 etron quattro1'18.889+1.2134.º
5.º7P1 (H)Toyota RacingToyota TS040 Hybrid 1'18.920+1.2445.º
6.º1P1 (H)Audi Sport Team JoestAudi R18 etron quattro1'18.983 +1.3076.º
7.º12P1 (L)Rebellion RacingRebellion R-One Toyota1'21.127+3.451 7.º
8.º13P1 (L)Rebellion RacingRebellion R-One Toyota1'21.644+3.9688.º
9.º9P1 (L)Lotus LMPCLM P1/01 AER1'22.081 +4.4059.º
10.º26P2G-Drive RacingLigier JS P2 Nissan1'24.463 +6.7871.º
11.º47P2KCMGOreca 03 Nissan1'24.843+7.167 2.º
12.º37P2SMP RacingOreca 03 Nissan1'25.256+7.5803.º
13.º27P2SMP RacingOreca 03 Nissan1'25.400 +7.7244.º
14.º97PROAston Martin RacingAston Martin Vantage V81'30.111+12.435 1.º
15.º92PROPorsche AG Team MantheyPorsche 911 RSR1'30.259+12.5832.º
16.º99PROAston Martin RacingAston Martin Vantage V81'30.312+12.636 4.º
17.º98AMAston Martin Racing Pedro LamyAston Martin Vantage V81'30.401+12.7251.º
18.º95AMAston Martin RacingAston Martin Vantage V81'30.493+12.817 2.º
19.º91PROPorsche AG Team MantheyPorsche 911 RSR1'30.536 +12.8604.º
20.º71PROAF CorseFerrari 458 italia1'30.565 +12.8895.º
21.º81AMAF CorseFerrari 458 italia1'30.882 +13.2063.º
22.º51PROAF CorseFerrari 458 italia1'30.908 +13.2326.º
23.º61AMAF CorseFerrari 458 italia1'31.057 +13.3814.º
24.º90AM8Star MotorsportsFerrari 458 italia1'31.483 +13.8075.º
25.º75AMProspeed CompetitionPorsche 911 RSR1'31.511+13.8356.º
26.º88AMProton CompetitionPorsche 911 RSR1'34.865+17.189
7.º

A corrida, com 6 Horas de duração, terá lugar amanhã pelas 15 horas em Portugal (13 Horas do Brasil), com quatro títulos ainda por discutir: o Título Mundial de Construtores e de Construtores GT, e as Taças Mundiais de Pilotos e Equipas LMP2.

Fontes: Comunicados de Imprensa FIA WEC e (citações) Porsche AG