Em Destaque | Le Mans | Notícias | Portugueses | WEC

WEC / 24H Le Mans: Rescaldo

Pedro Lamy: “Fica sempre um sabor amargo, mas as corridas são assim”

por Press Release, 15 de Junho de 2015 2 Comentários

© Drew Gibson / AMR

© Drew Gibson / AMR

Depois da conquista da Pole-Position e de terem dominado grande parte das 24 Horas de Le Mans, um acidente a 45 minutos do final da mítica prova de resistência francesa, ditou o abandono de Pedro Lamy, Paul Dalla Lana e Mathias Lauda, que seguiam confortavelmente na primeira posição da categoria LMGTE Am.

Paul Dalla Lana foi chamado a realizar o derradeiro turno de condução das 24 Horas de Le Mans, mas uma saída de pista do piloto canadiano na penúltima curva do circuito francês (chicane Ford) acabou por retirar qualquer hipótese de continuarem na luta pela vitória. “Não há muito a dizer. A estratégia da equipa funcionou muito bem, conseguimos estar sempre em luta pela vitória da prova, o carro esteve sempre muito competitivo, mas infelizmente o Paul teve uma saída de pista que hipotecou todas as nossas hipóteses de continuar”, começou por referir Pedro Lamy que tinha todas as hipóteses de repetir a vitória de 2012 na categoria LMGTE Am.

Pedro Lamy no Aston Martin #98 oficial demonstrou um andamento surpreendente ao longo de todo o fim-de-semana em Le Mans. O piloto português conquistou a Pole-Position, registou a terceira melhor marca da qualificação entre todos os GTs (LM GTE Pro e LM GTE Am) e dominou grande parte da corrida. “Apesar da vitória nos ter escapado, mostrámos que o nosso carro está muito competitivo e fiável e que temos boas hipóteses de lutar por uma boa classificação no Mundial (FIA WEC). Depois de tudo, fica sempre um sabor amargo, mas as corridas são assim e temos que pensar já na próxima prova”.

A próxima corrida de Pedro Lamy disputa-se a 30 de Agosto, na Alemanha. As 6 Horas de Nurburgring são pontuáveis para o Campeonato do Mundo FIA de Resistência (FIA WEC).

Comunicado de Imprensa do piloto Pedro Lamy