Le Mans | Notícias | WEC

World Endurance Championship

Nico Hülkenberg com a Porsche em Le Mans… por iniciativa própria

por Hugo Ribeiro, 4 de Dezembro de 2014 Sem Comentários

© Porsche AG

Que Nico Hülkenberg será um dos pilotos do terceiro Porsche 919 em Le Mans já todos sabemos, naquele que foi o segredo mais mal guardado do ano no WEC, mas o interessante foi saber que não foi a Porsche que procurou Hülkenberg, mas sim o alemão que foi bater à porta da Porsche.

Nico Hülkenberg será um dos três pilotos que irão estar ao volante do terceiro Porsche 919 Hybrid que na próxima temporada irá alinhar nas 6 Horas de Spa e nas 24 Horas de Le Mans.“Porsche e Le Mans — está é uma combinação que atrai provavelmente qualquer piloto,”afirmou Nico Hülkenberg no comunicado de imprensa da Porsche. “Sou um fã da Porsche há muito tempo e tenho assistido de perto ao seu regresso à classe LMP1. O desejo de pilotar aquele carro em Le Mans foi crescendo. Estou muito satisfeito pelo calendário 2015 do Mundial de F1 me permitir fazê-lo e estou muita agradecido à Sahara Force India F1 Team pela generosidade de me deixar ir. Agora tenho de trabalhar arduamente para satisfazer  ambos os compromissos.”

Mas mais do que a Porsche procurar os serviços de Hülkenberg, a verdade, como Andreas Seidl — Team Principal da Porsche LMP1 — revela hoje ao Autosport inglês, é que foi o próprio Hülkenberg a oferecer os seus serviços à Porsche. “O Nico mostrou interesse em fazer Le Mans, o que para nós foi um bom sinal. Ele não está a fazer isto pelo dinheiro, mas porque realmente quer fazê-lo e está interessado no WEC, pelo que realmente adoramos o seu espírito. Ele tem a atitude certa e compreende que saltar para o WEC a meio da temporada de F1 vai ser um enorme desafio.”

Apesar do que muitos gostam de afirmar sem conhecimento de causa, e sem compreender as particularidades de cada disciplina, um bom piloto de F1 não é, por defeito, um bom piloto de Resistência. A Porsche sabe-o bem, e Seidl revela também que um programa de preparação, baseado na experiência da Porsche com Mark Webber — que trocou a F1 por um lugar permanente na Porsche - está já em marcha. Hülkenberg já tirou as medidas ao habitáculo do Porsche 919 Hybrid, e o primeiro teste com o LMP1 deverá acontecer ainda este ano. Segundo o mesmo artigo, a Porsche tem já três datas agendadas em três diferentes pistas para testes, nos quais irão participar os pilotos GT Porsche Frederic Makowiecki, Nick Tandy e Michael Christensen. Dois deles deverão ser os companheiros de equipa de Hülkenberg, independentemente do que a habitual imprensa sensacionalista afirme sobre este ou aquele piloto de F1.

Entretanto, uma mudança repentina no calendário do Mundial de F1, irá impossibilitar que Hülkenberg possa alinhar nas 6 Horas de Spa.

Fonte: Comunicado de Imprensa da Porscge AG (Hülkenberg) e Autosport.com (Seidl)