Le Mans | Notícias | USCC

United SportsCar Championship

Krohn Racing muda-se para a LMP2 em 2015

por Hugo Ribeiro, 19 de Setembro de 2014 Sem Comentários

© Krohn Racing

A Krohn Racing confirmou ontem os seus planos de alinhar com um LMP2 na temporada 2015. Depois de ter sido associada ao novo HPD, a escolha recaiu sobre o Ligier JS P2. O programa ficará limitado ao NAEC, Le Mans e 6 Horas de Austin.

Não era particularmente novidade que a Krohn procurava a passagem dos Gts para os LMPs. Para a sua dimensão e princípios competitivos, a LMP2 era obviamente a escolha mais óbvia. Depois de ter sido associada ao novo HPD ARX-04, a equipa acabaria por testar com a Onroak Automotive e com o seu novo Ligier JS P2 em Magny-cours, tendo optado por esta plataforma para subir um degrau no universo sportscar. Com alguma surpresa, a escolha sobre o motor recaiu sobre o Judd HK V8.

"Estou muito entusiasmado com as oportunidades abertas para a próxima temporada", afirmou Tracy Krohn, dono da Krohn Racing. "Temos estado a discutir a mudança do Ferrari para um LMP2 há já algum tempo e a decisão estava dependente de como correria o teste com o carro. Tanto o Nic [ndr.: Niclas Jönsson] como eu tivemos a oportunidade de nos sentarmos ao volante do Ligier e adoramos pilotá-lo. A ergonomia funciona comigo, o que nem sempre foi fácil dada a minha estatura. Fizemos um acordo de parceria com a Judd para o fornecimento de motores e acreditamos que o conjunto Ligier Judd será formidável, pelo que foi feita a decisão de avançarmos com o projecto para 2015."

Apesar de Krohn ter afirmado ainda que a sua equipa irá esperar por um divulgação dos calendários para uma decisão final quanto ao programa para o próximo ano, e de que a ideia é competir dentro e fora dos EUA, não é de esperar grandes diferenças em relação ao programa deste ano. A equipa irá marcar presença nas quatro provas de longa duração do United SportsCar Championship (Daytona, Sebring, Watkins Glen e Petit Le Mans) — que constituem o North American Endurance Cup (NAEC) — entanto ainda uma inscrição nas 24 Horas de Le Mans (sujeita a convite) assim como nas 6 Horas do Circuito das Américas. Que pena a equipa norte-americana não regressar a tempo inteiro ao Campeonato do Mundo de Resistência.

Um novo teste está já marcado para o NOLA Motorsport Park no fim-de-semana a seguir às 6 Horas de Austin, com Krohn e Jöhnsson (o norte-americano e sueco já competem juntos desde 20104, acumulando 100 corridas juntos).

Fonte (citação): Comunicado de Imprensa da Krohn Racing