Le Mans | Notícias | WEC

World Endurance Championship

Extreme Speed Motorsport confirma presença no WEC com dois HPD ARX-04b

por Hugo Ribeiro, 18 de Novembro de 2014 Sem Comentários

©ESM

Novidade? Quase! Claramente agastada com o rumo do USCC, mas também “empurrada” por um patrocinador apostado no mercado global, a Extreme Speed Motorsports confirmou hoje a sua presença na totalidade da Temporada 2015 do Campeonato Mundial de Resistência (WEC).

Depois de ter anunciado a sua vontade de alinhar nas etapas Europeias do WEC em 2015, que culminaria com a participação nas 24 Horas de Le Mans, a equipa americana Extreme Speed Motorsports (ESM) confirmou hoje mesmo a sua intenção de alinhar em toda a temporada. Com dois chassis HPD ARX-03b — para o qual já havia sido escolhida como equipa de desenvolvimento da Honda/HPD — a ESM volta a levar as cores da “stars and stripes” a um campeonato mundial.

“Estamos encantado por uma das principais equipas de sportscar nos Estados Unidos, a Extreme Speed Motorsports, tenha optado por juntar-se à família WEC para a toda a temporada 2015,” afirmou Gérard Neveau, CEO do FIA WEC. “A equipa americana competiu no WEC por duas ocasiões este ano — no Texas e na China — e rapidamente demostrou a todos toda a sua rapidez e competitividade ao conquistar dois pódios. O anuncio de que irá competir connosco em 2015 dá um enorme impulso na classe LMP2, e no WEC em geral, e é uma grande honra dar as boas-vindas ao Ed Brown, ao Scott Sharp e a toda a equipa ESM ao Campeonato do Mundo de Resistência.”

Esta mudança não é de todo surpreendente. A equipa já por diversas vezes havia demostrado a seu total desacordo com o rumo do United SportsCar Championship (USCC), com um BoP criado para sustentar na mesma classe carros tão dispares com os LMP2, o Daytona Prototype e o Delta Wing, — que na pratica sempre prejudicou os LMP2 — e as sugestões sobre uma possível mudança de ares já não eram recentes. Depois de confirmada a vontade de alinhar com o novo HPD ARX-04b nas 24 Horas de Le Mans, o anuncio da presença nas duas primeira provas antes de Le Mans do WEC 2015, com uma potencial expansão a toda a temporada, que hoje se confirma.

“Xangai mostrou ser uma experiência fantástica para a Extreme Speed Motorsport,” afirmou Scott Sharp, dono da equipa americana. “Para além de ter sido a primeira viagem internacional da equipa, provou ainda ser uma grande oportunidade para expor o nosso patrocinador a um mercado emergente. Como o nosso patrocinador pretende lançar-se no mercado global, esta é uma grande oportunidade para a equipa desempenhar um papel-chave — tanto dentro como fora de pista — fazendo crescer a exposição e mediatismo da marca. Estamos muito impressionados com o WEC, e grande parte das corridas do WEC têm lugar em mercados-chave para o nosso patrocinador. A ESM está muito entusiasmada com a oportunidade de competir no WEC 2015 na classe LMP2 e trabalhar de forma estreia com o WEC, o Gerard Neveau e toda a sua equipa de forma a aumentar o imediatismo co campeonato no mercado americano.”

A presença da equipa na prova do WEC em Austin e posteriormente na China serviu também para testar a exposição do seu principal patrocinador, a Tequila Patrón — da qual Sharp é também CEO — e esse terá sido o último argumento na decisão de trocar o USCC pelo WEC. No entanto, Le Mans é um caso especial: sendo a prova mais mediática de todas, a alma e o coração do WEC, esta tem lugar em frança onde a publicidade a bebidas alcoólicas é proibida. Em Le Mans, as bem vistosas cores do patrocinador marcaram presença… não só elas.

Tendo sido escolhida pela Honda/HPD para ser a equipa de desenvolvimento do novo HPD ARX-04b Honda coupe, logicamente que a escolha do chassis há muito se encontra determinada, independentemente do campeonato escolhido para 2015. Quanto a pilotos, também a aqui não há novidades para já. Ryan Dalziel, Johannes van Overbeek, Ed Brown e o próprio Scott Sharp — que têm sido o núcleo duro da equipa nos últimos anos — estão já confirmados, com mais dois outros pilotos a confirmar oportunamente.

Fonte: Comunicado de Imprensa da Extreme Speed Motorsports