AsLMS | Notícias

AsLMS / 3H Inje: Corrida

Arranque fraco-fraquinho-fraquíssimo para o Asian Le Mans Series

por Hugo Ribeiro, 24 de Julho de 2014 Um Comentário

© Rewind Images / AsLMS

Apenas seis dos oito inscritos alinharam este domingo na ronda inaugural do Asian Le Mans Series em Inje, Coreia do Sul. Corrida com pouco ou nenhum interesse que foi ganha facilmente pelo Morgan Judd da OAK Racing.

A 2ª edição do renascido Asian Le Mans Series arrancou no passado fim-de-semana na Coreia do Sul, com a realização das 3 Horas de Inje. Sem quaisquer pilotos portugueses presentes, nem sequer os que estão radicados no continente asiático, o interesse que o campeonato possa ter nesta parte do mundo já é reduzido, mas com uma lista de inscritos que faz o nosso CNV parecer um competição de elite, o interesse é ainda menor.

Poucas dúvidas restam sobre o apelo que Le Mans tem no continente asiático, mas estabelecer uma competição aí, que tal como o ELMS na Europa leve um pouco de espírito Le Mans àquela parte do mundo, está longe, muito longe de ser favas contadas. O mercado asiático é rico e dinâmico, mas a competição automóvel, pese uma ou outra pequena excepção, vive das competições nacionais em que o Japão (onde as corridas de endurance nunca passaram de moda) se destaca por larga margem.

Quanto à prova de Inje, pouco há a dizer quando apenas há dois LMP2 em pista, um CN e uma mão cheia de GTs. Ainda houve alguma animação nesta classe, mas nas restantes, incluindo a luta pela vitória à geral, o marasmo foi absoluto. Há claramente muito para e por fazer. Para a história fica a categórica vitória da OAK Racing Team Total (não se compreende como é que a equipa francesa optou por este campeonato em vez do ELMS, tirando o apelo do Yuan — moeda chinesa — em doses simpáticas) perante uma Eurasia Motorsport que nem com o apoio em pista da Murphy Prototypes, nem com a presença ao volante de Richard Bradley (que ainda dominou os momentos iniciais da prova) conseguiu disfarçar alguma falta de qualidade.

Com um CN em pista, está tudo ditoa respeito desta classe, enquanto nos GTs já se assistiu a algo que se possa chamar competição, mesmo que entre os três carros... da mesma equipa.

A próxima prova do AsianLMS terá lugar no dia 31 de Agosto no Fuji Speedway no Japão. A prova em 2013 atraiu algumas equipas do campeonato de SuperGT Japonês, da classe GT300, e esperava-se que este ano o interesse fosse pelo menos idêntico. Nada de mais errado!!! As 3 Horas de Fuji irão ter lugar no mesmo fim-de-semana que os 1000km de Suzuka do SuperGT. Mais um erro de casting que terá resultados brutais na projecção mediática do campeonato, assim como na lista de inscritos.

P.ºCl.N.EquipaChassis - MotorVLTDif.P.º Cl.
1.ºLMP21OAK Racing Team TotalMorgan Judd212(3h01:10.789s)[ 1.º ]
2.ºGT92AAI-RstradaBMW Z4 GT3111-10 voltas[ 1.º ]
3.ºGT90AAI-RstradaMercedes SLS AMG111-10 voltas[ 2.º ]
4.ºGT91AAI-RstradaBMW Z4 GT3110-11 voltas[ 3.º ]
5.ºLMP227Eurasia MotorsportOreca 03 Nissan96DNF[ 2.º ]
6.ºCN77Craft-Bamboo RacingLigier JS53 Evo89-32 voltas[ 1.º ]
Não Alinharam
GT7PhytonFerrari 458 Italia GT3
CN45ATL Wolf AsiaWolf GB08